quinta-feira, 18 de junho de 2009

Fadiga

Cansaço...

Não, o físico, o da alma. O do coração.
De gente que chega, fica o quanto quer, e vai embora.
Nem diz tchau, nem ao menos até logo. Quando vimos, já foi!

É aquela amiga que está ali, sempre do lado, te cobrando, te pedindo abraço. E quando arranja uma outra coisinha por aí para fazer, já foi! "Nem te ligo"

É aquele primo que você gosta demais. Que você vai pras baladas mais interesante quando ele está só. E de repente "Tchau e benção, que hoje tenho encontro"

Sem contar nos paqueras, rolos, namoricos, amizades coloridas e afins. Tá tudo muito bom, tá tudo muito bem. E do nada, sem razão aparente "Cansei de você"

Ninguém é obrigado a estar com quem não gosta, com quem não sente nada. Mas os casos não são assim. As pessoas usam os outros. Brincam de sentir. Fazem do seu coração, picadeiro, te acham com cara de palhaço.

Francamente? Ando com "preguiça de gente" como diz a Intense.

Ando mesmo é com cansaço de gente. E não gosto nem um pouco de sentir isso. Pois quando eu sou amiga, eu sou amiga, eu pulo da ponte, chego dando voadoras! Mas também eu não sou boba, né?

E como diria Lúcio Flávio " Companheiro é companheiro, filho da puta é filho da puta"

5 comentários:

.Intense. disse...

companheiro é companheiro e filho da puta é filho da puta. vc é companheira, amiga.

=)


gostei tanto da sua frase qdo vi no msn, pra poder dizer 'RT Cafeína', que era tanto oq eu qria dizer hj e não dizia, não sabia como - mesmo sendo minhas essas palavras, 'preguiça de gente', nem lembrava. e eu tb tou de saco cheio. por mim, pelos outros. e por essa história que repete, repete, repete...e, como a gente não consegue fazer igual, dá vontade de usar o antídoto: não deixar ninguém chegar, ninguém aproximar. quem não chega, não vai embora....

=/

dias pesados, compridos, frios...mas sempre com vc aqui, menina Cafeína. que anjo foi esse que te colocou na minha vida?

;*

Gaby Almeida disse...

tb to de saco cheio de gente... procurando novas pessoas...

Si Collet disse...

eu fico pensando se existe tampa pra minha panela.. eu ando muito amarga pras pessoas.. penso exatamente como você escreveu.

Jéssica disse...

Eu não sei, mas essa coisa de ir e vir das pessoas, com o tempo, se torna natural. Faz parte do ciclo de vida renovar as caras, refazer amizades, conhecer novas cabeças. Mas, definetly, dentre as 'transipessoas', há aqueles que restam, que ficam para sempre.

Gostei :)

;**

Vanessa M. disse...

as vezes me dá enjoo de gente, depois passa e fico toda curiosa e atenta.

Clarice Lispector