quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Devaneio

Passava a mão no rosto tentando disfarçar o desejo . A visão daquele Zeus inebriava Malu naquela tarde quente, abafada. O clima de provocação se intensificava a cada visita.
Era um sorriso largo, logo na entrada. A mão quente que a cumprimentava, fazia estremecer.
Trocaram telefone. Era a vez dela provocar. E no finzinho da tarde ela mandou um torpedo sacana "Vontade de provar você".
Na mesma hora ele ligou de volta "Te pego na saída do trabalho"
Caía uma chuva torrencial de verão quando Malu foi até a portaria esperar. Forte o suficiente para molhar sua camiseta quando ela atravessou a rua e entrou no carro dele.
"Melhor eu te levar para um lugar seguro e te secar"
E naquele quarto, as paredes nunca antes assistiram tantos prazeres.

6 comentários:

Mr. J. / Mr. D. disse...

Verão... verão...

tem selo no meu blog!

bjo!

Gaby Almeida disse...

Uau.. adorei o post...

tem selo pra vc no meu blog...

bjus..

Dani Antunes disse...

Seriam Cafeína e Malu a mesma pessoa ou dona Cafeína está apenas inspiradíssima? Adorei!

Mysterious Ways disse...

Malu Cafeína da Silva...

Já vi essa moça em algum lugar !

Beijus minha linda,

Bom carnaval pra você !

Aproveite o feriado !

Vanessa M. disse...

Isso foi apenas um legítimo devaneio ou aconteceu de fato?

:o

Atreyu disse...

Romântico, sedutor, envolvente...
Lindo poema!
Gostei desse blog viw!